Governo indonésio liberta 4 rebeldes

Quatro importantes líderes rebeldes daconturbada província indonésia de Aceh acusados de envolvimento numa série de atentados foram libertados neste domingo, num momento em que mediadores internacionais faziam esforços deúltima hora para salvar um pacto de paz.O coronel Sayed Hoesainy disse que os quatro líderes do Movimento Aceh Livre foram presos na sexta-feira, quando tentavam deixar Banda Aceh, capital da província. No entanto, eles ainda podem ser indiciados de acordo com uma nova lei decombate ao terrorismo.Enquanto isso, os negociadores reuniam-se separadamente com governo e rebeldes para tentar vencer o prazo desta segunda-feira. A Indonésia exige que os rebeldes deponham suas armas até esta segunda e aceitem autonomia em vez de independência. A falta de acordo pode causar a retomada das hostilidades entre as partes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.