Governo inocenta 5 presos de Guantánamo

Após sugestão de um promotor militar, o Pentágono retirou ontem as acusações terrorismo contra cinco presos de Guantánamo. Entre eles está Binyam Mohammed, acusado de tentar lançar um ataque nos EUA usando uma ''bomba suja", que combina explosivos e material radioativo. Mohammed confessou o crime sob tortura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.