Governo italiano envia Exército para recolher lixo em Nápoles

Uma nova crise no manejo de lixo da cidade faz com que o governo envie soldados para operação de limpeza.

BBC Brasil, BBC

09 de maio de 2011 | 13h30

Soldados do Exército italiano chegaram nesta segunda-feira à cidade de Nápoles, no sul da Itália, para uma operação de limpeza da cidade, que vive uma nova crise no manejo do lixo. Cerca de 2 mil toneladas de dejetos estão sendo empilhados nas ruas há cerca de 3 meses.

O lixo se acumula devido a falhas técnicas em incineradores e à falta de investimento em novos aterros sanitários. Acredita-se que a máfia, em operações de despejo ilegal de lixo tóxico, também teria contaminado os aterros e contribuído para o problema.

O primeiro-ministro, Silvio Berlusconi, anunciou o envio de 170 soldados e 73 caminhões militares para solucionar o problema.

É a segunda vez que o Exército italiano é enviado com a mesma missão na cidade.

Em 2008, o premiê tomou a medida para conter uma crise similar, após prometer que resolveria a situação durante sua campanha para as eleições gerais.

Agora, semanas antes das eleições regionais, a volta dos soldados para resolver o mesmo problema gerou críticas de alguns napolitanos, que acusam o premiê de só ter tomado a atitude a fim de facilitar aos eleitores o acesso a centros de votação.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.