Governo Lugo redistribuirá 8 milhões de hectares de terras

Para responder às exigências de reforma agrária de 300 mil famílias de trabalhadores rurais, o novo governo paraguaio colocará em ação um plano para redistribuir 8 milhões de hectares de terras doados pelo ex-ditador Alfredo Stroessner (1954-89) "a amigos, parentes e militares próximos", segundo o diretor do Instituto Nacional de Desenvolvimento Rural e da Terra, Alberto Alderete. "No dia 28, apresentarei a lista de pessoas que receberam essas terras e darei nomes e sobrenomes", afirmou Alderete. Por enquanto, os sem-terra paraguaios deram uma trégua para o novo presidente, Fernando Lugo, mas prometem uma série de invasões se o ex-bispo não se mostrar disposto a cumprir suas promessas de redistribuição de terras. O novo diretor paraguaio da hidrelétrica de Itaipu, Carlos Mateo Balmelli, também prometeu destinar "vários milhões de dólares" da receita da usina para obras sociais destinadas às populações rurais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.