AP Photo/Pablo Martinez Monsivais
AP Photo/Pablo Martinez Monsivais

Governo Trump dispõe de US$ 20 milhões em recursos para construir muro na fronteira, diz agência

De acordo com um documento obtido pela ‘Reuters’, os fundos disponíveis seriam suficientes para cobrir alguns contratos para protótipos da barreira, mas não para começar a construção da estrutura real

O Estado de S.Paulo

02 de março de 2017 | 11h31

WASHINGTON - A promessa do presidente dos EUA, Donald Trump, de usar os fundos existentes para iniciar a construção imediata de um muro na fronteira do país com o México atingiu um obstáculo financeiro, segundo um documento ao qual a agência de notícias Reuters teve acesso.

O início rápido da construção, prometido na campanha de Trump e num decreto emitido em janeiro sobre segurança nas fronteiras, deveria ser financiado, segundo a Casa Branca, com fundos existentes no Departamento de Segurança Interna.

Contudo, até agora, o departamento identificou apenas US$ 20 milhões que podem ser redirecionados para o projeto de vários bilhões de dólares, segundo um documento preparado pela agência e distribuído aos funcionários do Congresso recentemente.

O documento informa que os fundos seriam suficientes para cobrir alguns contratos para protótipos do muro, mas não para começar a construção de uma barreira real. Isto significa que para que a estrutura avance, a Casa Branca precisará convencer o Congresso a destinar fundos.

Um relatório interno, divulgado anteriormente, havia estimado que o muro completo ou a vedação de toda a fronteira sul custaria US$ 21,6 bilhões.

Autoridades do Departamento de Segurança Interna não responderam a um pedido de comentário sobre o assunto. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.