Governo turco revê número de mortes: 36, não 139

O centro de crises do governo turco revisou o número de mortos no descarrilamento de um trem entre Ancara e Istambul: seriam 36 as vítimas, em vez dos 139 anunciados anteriormente. O Ministério da Saúde havia informado, ainda mais cedo, uma cifra oficial de 128 mortos. A redução para 36 foi feita sem maiores explicações. ?Houve um erro no número de mortos e feridos por conta da informação contraditória que recebemos?, disse Ayhan Cevik, prefeito da cidade de Bilecik, próxima ao local do desastre. ?De acordo com a informação mais recente de que dispomos?, há 36 mortos e 60 feridos?.

Agencia Estado,

22 de julho de 2004 | 19h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.