Grã-Bretanha irá focar em empregos a jovens, diz Darling

O ministro das Finanças da Grã-Bretanha, Alistair Darling, aproveitará o anúncio do orçamento, marcado para a quarta-feira, para divulgar ações com o objetivo de reduzir o desemprego entre os jovens. A afirmação foi feita pelo próprio ministro em entrevista ao semanário Observer publicada neste domingo.

AE, Agencia Estado

19 de abril de 2009 | 14h06

De acordo com a revista, o governo dedicará mais de 2 bilhões de libras esterlinas para combater o desemprego, o que inclui a elevação de repasses a centrais de emprego e um programa para ajudar jovens com menos de 25 anos e que estão sem emprego há mais de um ano. "Foi especialmente difícil para os jovens, nos anos 90, não contar com ajuda nenhuma. Muita gente foi simplesmente deixada ao deus-dará", prosseguiu o ministro.

Na semana passada, o primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Gordon Brown, disse que o orçamento a ser anunciado na quarta-feira será "um orçamento para os empregos". O anúncio será feito no mesmo dia em que o governo britânico divulgará novas informações sobre a situação do emprego no Reino Unido. Na entrevista ao Observer, Darling disse acreditar que o desemprego ainda continuará aumentando "por algum tempo". As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
empregoGrã-Bretanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.