Grampo telefônico constrange presidente do Peru

O presidente do Peru, Alejandro Toledo, prometeu descobrir como uma conversa telefônica sua foi gravada e acabou indo ao ar em um programa de televisão. ?Vamos ao fundo disso, não importa quem possa cair?, afirmou. Na gravação, que entrou em rede nacional no programa Frequencia Latina, Toledo pergunta a um assessor sobre como seria recebido ao visitar a cidade de Arequipa. Ao ser informado de que o prefeito poderia se recusar a vê-lo, o presidente cancela a viagem e diz ?que vão para o inferno?.O apresentador do programa não diz como a emissora obteve a gravação, citando apenas ?uma organização de inteligência?. A taxa de aprovação de Toledo caiu cerca de 12% nos últimos meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.