Grécia envia 3.500 policiais a Salonica

O governo grego decidiu enviar nesta sexta-feira uma força policial de 3.500 homens para a cidade de Salonica, no norte do país, onde vários sindicatos de trabalhadores planejaram manifestações para o sábado, contra novos cortes no orçamento que o primeiro-ministro Antonis Samaras deverá ordenar. Salonica é a segunda maior cidade do país.

AE, Agência Estado

07 de setembro de 2012 | 14h25

A polícia finalizou as medidas nesta sexta-feira. Samaras prevê cortes de ? 11,5 bilhões (US$ 14,4 bilhões) no orçamento entre 2013 e 2014. A própria polícia será afetada pelos novos cortes e deverá realizar suas manifestações no sábado.

Samaras deverá ter uma reunião nesta sexta-feira em Atenas com o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, em Atenas, enquanto os inspetores da União Europeia (UE), Banco Central Europeu (BCE) e Fundo Monetário Internacional (FMI), a chamada troica, realizam mais uma avaliação da economia grega.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.