Grécia pede ajuda da UE para combater incêndio florestal

A Grécia pediu a ajuda de outros países europeus para fazer frente a um incêndio florestal de grandes proporções perto da fronteira coma Turquia, informaram autoridades locais nesta quinta-feira.

Agência Estado

25 de agosto de 2011 | 17h22

A defesa civil grega requisitou seis aviões adaptados para transportar e despejar grande quantidade de água sobre os focos de incêndio. Os governos de Espanha e França já responderam ao pedido da Grécia, contribuindo cada um com duas aeronaves.

Mais de 300 bombeiros, recrutas do exército e voluntários participam ativamente do combate às chamas na região de Evros. O incêndio começou ontem e já consumiu uma área de mais de 2.500 hectares de floresta. Um vilarejo próximo foi esvaziado por precaução. Não há informações referentes a vítimas dos incêndios.

A polícia grega anunciou a prisão de um agricultor local suspeito de ter dado início acidentalmente ao fogo. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Gréciaincêndio florestal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.