Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Greve de tripulantes da British Airways continua

Tripulantes da British Airways mantêm neste domingo uma greve iniciada na véspera. A companhia aérea informa, entretanto, que mais aeronaves do que o esperado estão decolando e que as medidas de contingência adotadas vêm surtindo efeito. "Nossos planos de contingência continuam funcionando bem no domingo ao redor do mundo", afirmou a British Airways em um comunicado.

AE, Agencia Estado

21 de março de 2010 | 12h47

A companhia acrescentou que todas as aeronaves de longo percurso em aeroportos internacionais conseguiriam chegar em Londres como planejado, e que mais de uma dúzia dos voos cancelados foi reintegrada, incluindo aqueles para Miami, Los Angeles e outros destinos europeus. A British disse ainda que seria capaz de adicionar vários voos extras porque muitos funcionários ignoraram a greve de três dias.

Todavia, líderes do sindicato contestaram tais afirmações. O Unite, sindicato que representa a tripulação da British Airways, afirmou que dezenas de voos foram cancelados e que mil funcionários aderiram ao movimento no sábado, contra congelamento dos salários e mudança nas condições de trabalho.

A companhia aérea disse no início da greve que conseguiria lidar com 49 mil passageiros por dia no sábado e no domingo, 65% da média de 75 mil em um dia normal de final de semana de março. Hoje, a empresa não informou se atingiu a meta nem o número de voos cancelados ou atrasados. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
greveaviaçãoBritish Airways

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.