Gripe suína: sobe para 48 o total de mortos no México

As autoridades mexicanas informaram que mais três pessoas morreram em decorrência da Influenza A (H1N1), elevando para 48 o total de mortes causadas pela gripe suína no país. Os casos confirmados da doença também subiram 259, atingindo 1.578 pessoas. O porta-voz do Departamento de Saúde disse que as novas mortes confirmadas ocorreram antes do dia 6 de maio.

AE-AP, Agencia Estado

09 de maio de 2009 | 12h06

As escolas devem retomar as aulas nesta segunda-feira, mas as autoridades do estado de Jalisco disseram que, na região, as escolas permanecerão fechadas até o dia 18 em razão da morte de três pessoas que apresentavam sintomas de gripe, embora não esteja confirmado se os três casos estão associadas à gripe suína.

Tudo o que sabemos sobre:
gripe suínaMéxico

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.