Grupo armado iraquiano anuncia morte de líder

O Exército de Conquistadores, um dos gruposinsurgentes iraquianos, anunciou em comunicado divulgado na Internet a morte de seu líder Abu Abdulrahman. Abdulrahman foi morto na cidade de Ramadi, capital da província de al-Anbar, a 100 quilômetros de Bagdá, explica a nota citada pelarede de TV Al Jazira. O líder morreu num confronto com forças americanas, diz a nota. O texto, que não informa datas, manda os seguidores do grupo continuarem a "Jihad" (guerra santa) contra as "tropas de ocupação". Raadi, reduto da insurgência sunita, tem sido cenário nosúltimos dois anos de numerosas operações militares de tropas americanas e forças de segurança iraquianas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.