Grupo assassina 13 jovens em festa no norte do México

Um grupo de homens armados atacou uma festa em Ciudad Juárez (Estado de Chihuahua), na fronteira com os Estados Unidos, matando 13 jovens e ferindo outras 20 pessoas, informaram as autoridades mexicanas. Neste domingo, em outro ataque, homens armados jogaram granadas e fizeram disparos de fuzis de assalto contra uma delegacia no Estado de Michoacán, matando um número não especificado de civis e ferindo policiais.

AE-AP, Agencia Estado

31 de janeiro de 2010 | 19h54

O ataque em Ciudad Juárez aconteceu na noite de ontem. Policiais e socorristas encontraram os cadáveres de pessoas entre 15 e 20 anos de idade espalhados na casa onde aconteceu a festa, enquanto as ambulâncias, junto à polícia federal mexicana, levavam os sobreviventes feridos aos hospitais vizinhos.

O outro episódio violento ocorreu na madrugada de hoje. A polícia de Lázaro Cárdenas, cidade no Estado de Michoacán, no Pacífico, informou que uns 20 homens armados atacaram uma delegacia da polícia com granadas e fuzis de assalto, matando vários civis e ferindo policiais.

Tudo o que sabemos sobre:
Méxicoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.