Grupo islâmico assume atentado na Turquia e ameaça Europa

Um grupo militante islâmico assumiu a responsabilidade das explosões ocorridas ontem à noite em dois hotéis e em uma estação de gás na Turquia. O grupo das Brigadas de Abu Hafs al-Masri disse tratar-se do primeiro ataque de uma "onda de operações contra países europeus e que o pior está por vir"."Istambul é a abertura da guerra sangrenta que prometemos aos europeus", diz a nota distribuída no website islâmico que normalmente veicula comunicados de grupos militantes. A autenticidade da mensagem ainda não foi confirmada. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.