Grupo paramilitar colombiano inicia entrega de armas

Grupos paramilitares de direita da Colômbia deram início à desmobilização de seus exércitos ilegais - 280 combatentes pertencentes às Autodefesas Unidas da Colômbia (AUC) entregaram suas armas. A AUC prometeu entregar 3 mil armas até o final do ano, de modo a abrir caminho para a implantação de um plano de paz com o governo.Pelos planos governamentais, os membros do grupo de paramilitares desmobilizado que não tiverem dívidas com a Justiça poderão se reintegrar à vida civil e receber auxílio financeiro e treinamento profissional. Mas ainda não há um acordo de paz duradouro, uma vez que não foi aprovado no Congresso nenhum pedido de anistia para ex-militantes.A Colômbia tem sofrido fortes pressões para assegurar que traficantes de drogas que integram entidades paramilitares não escapem e que crimes contra a humanidade, dos quais a AUC é acusada, não deixem de ser punidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.