Jorge Adorno/Reuters
Jorge Adorno/Reuters

Grupo pró-Lugo protesta diante do Consulado do Paraguai em SP

Cerca de 50 pessoas participam de manifestação; Força Sindical pede 'manutenção da democracia'

Gheisa Lessa, do estadão.com.br,

25 de junho de 2012 | 14h24

SÃO PAULO - Cerca de 50 pessoas fazem protesto pela democracia no Paraguai durante a tarde desta segunda-feira, 25. De acordo com a Polícia Militar, o grupo está reunido, desde às 14h, em frente ao consulado paraguaio, na altura do número 600 da Rua Bandeira Paulista, no Jardim Paulista, zona oeste de São Paulo.

 

Veja também:

linkParaguai rejeita exclusão de blocos regionais

linkNovo diretor paraguaio de Itaipu vai enviar mensagem a Dilma

 

De acordo com a Força Sindical, que organiza a manifestação, "é necessário que os governos, os movimentos sindicais e sociais, além das forças políticas democráticas paraguaias, brasileiras e sul-americanas, se mobilizem".

 

Ainda segundo a entidade, "com base nas cláusulas democráticas das constituições da OEA e da Unasul a democracia nos países latinoamericanos deve ser mantida".

 

O grupo é contra o processo que derrubou o presidente Fernando Lugo na última sexta-feira. Eles chamam o processo de "golpe de Estado". Na noite de sexta, o vice-presidente Federico Franco assumiu a Presidência do País.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.