Grupo radical vai ao Egito debater plano de trégua

Uma delegação do Hamas, que incluirá alguns dos representantes do grupo islâmico em Gaza, viajará para o Cairo hoje para discutir o plano de três pontos do Egito para um cessar-fogo no território palestino. A informação foi divulgada por Mussa Abu Marzuk, número 2 do escritório político do Hamas na Síria. O plano, apresentado pelo presidente egípcio, Hosni Mubarak, prevê "uma trégua imediata e por um período limitado" para que possam ser criados "corredores de ajuda humanitária" e haja condições para a discussão de um cessar-fogo definitivo. A iniciativa é apoiada por muitos países europeus e pelos EUA. Representantes do governo israelense estiveram no Cairo na quinta-feira para discutir seus termos com autoridades egípcias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.