Grupo rebelde irlandês INLA entrega suas armas

O Exército Irlandês de Libertação Nacional (INLA), uma dissidência do Exército Republicano Irlandês (IRA), anunciou hoje seu completo desarmamento. O anúncio foi feito na véspera de um prazo para que os grupos paramilitares desistissem da luta armada. Autoridades locais confirmaram a notícia. O grupo matou mais de 110 pessoas desde sua fundação, em 1974, até um cessar-fogo declarado em 1998.

AE-AP, Agencia Estado

08 de fevereiro de 2010 | 12h02

O representante do INLA Martin McMonagle anunciou que o grupo entregou todo seu arsenal em recentes encontros secretos com funcionários envolvidos com o desarmamento. Segundo ele, a medida tomada pela organização marxista INLA representaria um "avanço para a classe trabalhadora na Irlanda". As leis especiais permitindo que os paramilitares entreguem suas armas sem que sejam processados deixarão de valer amanhã.

Tudo o que sabemos sobre:
IrlandadesarmamentoINLA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.