Grupo sionista pede ajuda a Lula

A organização latino-americana Amisrael, que apoia o Estado judeu, pediu ontem que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva interceda pela libertação do cabo israelense Gilad Shalit, capturado pelo Hamas em 2006. O grupo, cuja sede é no Brasil, quer que Lula use "toda sua influência" com governos islâmicos da região para pressionar o Hamas a soltar Shalit. Acredita-se que o militar israelense esteja na Faixa de Gaza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.