Guerra contra Iraque foi uma fraude, diz senador democrata

O motivo para ir à guerra contra o Iraque foi uma ?fraude feita no Texas?, disse nesta quinta-feira o senador democrata Edward Kennedy. Em entrevista à agência notícias Asociated Press, ele também acusou o governo dos Estados Unidos de subornar países para enviar tropas ao Iraque com dinheiro desviado do orçamento da reconstrução do Iraque. Senador pelo estado de Massachussets, Kennedy acusou o governo Bush de lançar o país à guerra sem motivos reais. ?Não havia ameaça iminente. Isto foi fabricado no Texas; anunciou-se em janeiro para a liderança republicana de que a guerra aconteceria e de que ela seria boa politicamente. A coisa toda foi uma fraude?, disse o senador. Kennedy afirmou que um relatório recente do Escritório do Orçamento do Congresso mostrou que dos US$ 4 bilhões gastos mensalmente com o Iraque, apenas US$ 2,5 bilhões podem entrar na contabilidade oficial. ?Minha crença é de que este dinheiro está sendo dado a estes líderes políticos de todas as partes do mundo, subornando-os para enviar tropas?, disse.

Agencia Estado,

18 de setembro de 2003 | 17h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.