Guerra prejudica desarmamento pacífico, diz Chirac

O presidente francês Jacques Chirac disse que uma guerra contra o Iraque sem aval das Nações Unidas deve prejudicar os esforços para desarmamento pacífico no futuro. "É uma decisão séria", disse Chirac, que "prejudica métodos futuros de desarmamento pacífico em crises relacionadas à proliferação de armas de destruição em massa". "É uma decisão séria porque o desarmamento do Iraque está ocorrendo e os inspetores mostraram que as inspeções são um caminho crível para desarmar um país", acrescentou. "A posição francesa é partilhada pela maioria da comunidade internacional", disse o presidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.