Guerrilha liberta policial e militar reféns

Um policial e um militar que estavam havia mais de dois anos em poder da guerrilha Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) foram libertados ontem. O major de polícia Guillermo Solozano, de 35 anos, e o cabo do Exército Salín Antonio San Miguel Valderrama, de 27 anos, são os últimos do grupo de cinco reféns que em dezembro a guerrilha tinha prometido libertar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.