Guerrilha mata 14 pessoas no Afeganistão

Supostos militantes talebans emboscaram dois caminhões-tanque pertencentes às forças da coalizão no sul do Afeganistão e decapitaram duas pessoas que estavam a bordo. Os ataques ocorreram no distrito de Urgan, na província de Paktika, enquanto os caminhões transportavam combustível da capital, Cabul, para uma base militar, informou o porta-voz do Exército afegão, Waisudin Salek.Os supostos militantes seqüestraram quatro das seis pessoas que estavam a bordo depois de decapitarem os outros dois, disse o porta-voz, sem fornecer maiores detalhes.Em outra área, um confronto entre tropas do governo e supostos combatentes talebans deixou 10 soldados, duas crianças e um rebelde mortos. Um combatente taleban ferido foi preso no ataque, na região de Dara-e-Noor, no final da quarta-feira, de acordo com o general Atta Mohammed, diretor das forças especiais afegãs.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.