Há 22 reféns no consulado dos EUA em Jeddah

Forças de segurança em contato com o consulado dos EUA em Jeddah, na Arábia Saudita, disseram à agência Dow Jones que pelo menos 22 pessoas são mantidas reféns de atiradores que conseguiram entrar no consulado, depois de explodirem um carro-bomba em frente ao prédio. Quatro homens estariam dentro do complexo, onde um tiroteio continuam a ser ouvido, mais de uma hora após a explosão do carro-bomba. As informações ainda não foram confirmadas pela Embaixada dos EUA.Leia maisConsulado dos EUA é atacado na Arábia SauditaQuatro atiradores estão dentro do consulado dos EUA

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.