Hackers derrubam sites de pornografia infantil

Operação OpDarkNet foi o nome dado a um grupo de hackers a uma jornada contra sites de pornografia infantil. O objetivo: tirar do ar 40 páginas que hospedavam conteúdo ilegal. Os endereços foram atacados e deixaram de funcionar simultaneamente. Os hackers também entregaram à polícia uma lista dos usuários de um fórum de pedófilos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.