Haiti: Préval deve levar eleições no primeiro turno

O candidato à presidência do Haiti René Préval conta com uma larga vantagem em relação a seus adversários após 25% dos votos contados, disse nesta quinta-feira um funcionário do comitê central partido do presidenciável. A informação foi confirmada por funcionários de partidos rivais e disseminada por pesquisas de boca de urna.A comissão eleitoral do país ainda não divulgou nenhum resultado do pleito da terça-feira, mas a apuração está sendo acompanhada por partidos políticos que mantém representantes nos centros de contagem. As 360 mil cédulas abertas até o momento representam aproximadamente 25% de todos os votos. Préval tinha cerca de 67% do total apurado, segundo uma funcionária de seu partido, o Lapswa, que falou sob condição de anonimato pois não tinha a autorização de divulgar a informação.Mais cedo, um dos principais candidatos ao pleito, o também ex-presidente do Haiti Leslie Manigat, disse que relatórios de funcionários de seu partido que monitoram a contagem já apontavam uma larga vantagem de Préval. "A possibilidade de termos um segundo turno são mínimas", disse Manigat à Associated Press. Segundo Manigat, ele estaria em segundo lugar, seguido de Charles Henri Baker, um industrial de 50 anos.Embora nenhum resultado oficial tenha sido anunciado, os comentários de Manigat foram o último sinal de que Préval deve encabeçar uma grande vitória no primeiro turno.De acordo com o diretor geral do comitê eleitoral do Haiti, Jacques Bernard, apenas uma pequena porcentagem dos resultados chegaram à capital. Muitos relatórios de contagem continuam sendo transportados de avião, caminhão e até em lombo de mulas. "Na noite de sexta ou na manhã de sábado nós teremos uma idéia clara dos resultados da eleição", disse Bernard.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.