Haitianos já aclamam Préval como presidente

Milhares de pessoas fizeram uma manifestação no bairro de Cité Soleil, em Porto Príncipe, para que o Conselho Eleitoral Provisório (CEP) anuncie o resultado das eleições e para aclamar Réne Préval como presidente do país.Desde o início do dia, os moradores do conflituoso e violento bairro - onde vivem cerca de 300.000 pessoas em condições miseráveis - comemoram entre gritos e cântico a vitória de Préval. A manifestação ocorreu sem incidentes, mas houve alguns tiros que não tiveram conseqüências maiores.Diante deste cenário, o secretário-geral do Conselho Eleitoral Provisório (CEP) haitiano, Rosemond Pradel, pediu neste sábado que a população da capital não se manifeste até a publicação dos resultados."Pedimos às pessoas que mantenham a calma e não se manifestem nas ruas, já que isto poderia pressionar quem está realizando a apuração", disse Pradel.O titular do CEP também disse a uma emissora de rádio local que "os resultados definitivos das eleições da terça-feira passada poderiam ser divulgadas neste domingo, mas não é algo totalmente certo".René Préval mantém a maioria absoluta (com 50,33% dos votos) após a apuração de 63,56% das cédulas emitidas nas eleições presidenciais e legislativas da terça-feira passada, informou o CEP.Segundo os dados parciais que o órgão oficial haitiano informava em seu site às 7 horas de Brasília, em segundo lugar aparece Leslie Manigat, do Grupo Democrata Nacional Progressista (RDNP), com 11,88% dos votos, e em terceiro lugar o candidato independente Charles Baker, com 7,76%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.