Hamas anuncia suspensão de atentados contra Israel

Um dirigente do grupo radical islâmico Hamas disse que a organização vai suspender os ataques suicidas com bombas contra Israel, informa a emissora britânica BBC. O anúncio foi feito um dia depois de a Autoridade Nacional Palestina, comandada por Yasser Arafat, intensificar a repressão a grupos terroristas e fechar seis escritórios do Hamas. Ontem, líderes do Hamas, Jihad Islâmica e Frente Popular para a Libertação da Palestina anunciaram que não acatariam o pedido de Arafat pelo cessar-fogo contra Israel. O anuncio de hoje do Hamas surpreende os líderes israelenses que permaneciam céticos em relação às intenções de Arafat e intensificaram as operações militares nas áreas palestinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.