Hamas apresenterá sábado governo em que estará isolado

O movimento islâmico Hamas apresentará amanhã, sábado, um governo monopartidário ao presidente da ANP, Mahmoud Abbas, informou à EFE seu porta-voz no Conselho Legislativo (Parlamento) palestino, Salah Al-Bardawil. A decisão de apresentar um governo formado unicamente por membros do Hamas se deve à negativa do movimento nacionalista Fatah de se somar ao novo Executivo palestino, decisão que foi tomada na última quinta-feira à noite por seu Comitê Central. Al-Bardawil acrescentou que "após apresentar a composição do novo governo ao presidente, O Hamas pedirá o apoio do Conselho Legislativo, provavelmente na segunda-feira ou terça-feira". O porta-voz se negou a revelar qualquer detalhe sobre a identidade dos ministros, mas indicou que "nenhum outro partido respondeu favoravelmente" à oferta de um governo de coalizão com o Hamas. Isso significa que o próximo executivo da ANP será monopartidário, já que todos seus membros serão do movimento islâmico ou, no caso dos tecnocratas, afins a sua ideologia. Segundo a legislação palestina, o presidente deve ratificar as nomeações e só então o Hamas poderá submetê-los a votação no Parlamento, onde não terá problema algum, pois conta com o apoio de 74 dos 132 deputados da Câmara.

Agencia Estado,

17 Março 2006 | 14h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.