Hamas e Fatah entram em acordo sobre fim de confrontos

O Movimento de Resistência Islâmica (Hamas)e o nacionalista Fatah chegaram a um acordo para suspender os confrontos violentos entre militantes dos dois grupos, que vinham criando entre os palestinos o medo de uma guerra civil. Um membro do Hamas que participou da reunião em Gaza, anunciou o acordo. No encontro também foi acertada a criação de um escritório de coordenação entre os dois grupos, a fim de impedir novosincidentes violentos como os que ocorreram na Cisjordânia e Gaza há três semanas, causando a morte de mais de 12 palestinos, entreseguidores do Hamas (governista) e do Fatah (oposição). Um porta-voz do Fatah afirmou que as duas partes concordaram que o diálogo deve ser a única via para resolver as disputas. Foi a primeira reunião com emissários de alto nível dos dois grupos nas últimas semanas. Segundo o porta-voz do Hamas, umadelegação militar egípcia participou do encontro, como mediadora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.