Helicóptero cai e mata empresário e mais 4 no México

Pelo menos cinco pessoas, incluindo um importante empresário mexicano, morreram ontem em consequência da queda de um helicóptero na Cidade do México. Morreram no acidente Moisés Saba, dois membros de sua família, uma mulher ainda não identificada e o piloto, disse a repórteres o chefe da secretaria de Defesa Civil da capital do país, Elias Moreno Brizuela. Segundo ele, há a possibilidade de haver uma sexta vítima. "Aparentemente há uma sexta pessoa entre os mortos, mas nesse momento não sabemos quem pode ser essa pessoa", disse.

AE, Agencia Estado

11 de janeiro de 2010 | 08h46

O acidente ocorreu ontem à noite, quando o helicóptero sobrevoava um trecho de neblina em Toluca, perto da Cidade do México. As autoridades acreditam que o piloto tenha reduzindo a altitude da aeronave para escapar da neblina, quando colidiu com um prédio que fica ao lado de uma montanha.

Membro da comunidade judaica mexicana, Saba, de 46 anos, atuava em vários setores da economia nacional, incluindo têxteis, comércio e telecomunicações. Também era proprietário de um canal de televisão judaico. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.