Helicóptero dos EUA é derrubado no Iraque

Um helicóptero americano foi abatido no oeste do Iraque, poucas horas depois de aviões de combate dos EUA bombardearem um "campo de treinamento terrorista" na região central iraquiana. Os dois incidentes ocorreram enquanto tropas terrestres levavam à frente, ao norte de Bagdá, uma maciça operação visando encontrar aqueles que organizam ataques contra as forças de ocupação. Os eventos de hoje marcaram uma forte escalada de operações militares americanas nas regiões central e ocidental do Iraque, onde guerrilhas intensificaram ataques contra forças dos EUA na últimas semanas."Assim que recebemos informações inteligência confiáveis, atacamos duro e com força letal", afirmou hoje o tenente-general David McKiernan, o comandante das forças terrestres americanas no Iraque. "O Iraque será uma zona de combate por algum tempo". McKiernan confirmou que "forças hostis" derrubaram um helicóptero Apache AH-64. Outros dois Apaches dispararam contra "forças irregulares" no local da queda, e tropas terrestres dos EUA protegeram o local e resgataram os dois tripulantes, que não ficaram feridos.Foi o primeiro aparelho aéreo americano a ser abatido por disparos terrestres desde o fim da guerra há dois meses. O Comando Central não especificou onde ele foi derrubado.Também hoje, o Comando Central informou que um caça-bombardeiro F-16 dos EUA caiu mais cedo no sudoeste de Bagdá. O piloto teria ejetado em segurança e sido resgatado por forças terrestres. Segundo o comando, as causas da queda ainda estavam sendo investigadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.