Helicóptero militar cai em Brunei e deixa 10 mortos

Ministério da Defesa do país indicou que a aeronave caiu no distrito de Belait, quando retornava à capital após um voo de treinamento

Efe,

21 de julho de 2012 | 01h48

BANGCOC - Dez pessoas morreram, duas ficaram feridas e outras duas estão desaparecidas depois de um helicóptero militar ter caído na sexta-feira, 20, em Brunei, informaram fontes oficiais.

O Ministério da Defesa do país indicou que a aeronave, um Bell 212, caiu no distrito de Belait, quando retornava à capital após um voo de treinamento com 14 pessoas a bordo: 11 oficiais cadetes e três tripulantes.

O sultão de Brunei, Hassanal Bolkiah, visitou na noite de sexta-feira os dois cadetes feridos no Hospital Racha Isteri Pengiran Anak Saleha e enviou mensagens de pêsames aos familiares das vítimas, segundo o diário "Borneu Bulletin".

As autoridades militares de Brunei ainda não comunicaram as causas do acidente.

Tudo o que sabemos sobre:
BruneiHelicópteroAcidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.