Hezbollah ajudaria milícias xiitas no Iraque

Um alto funcionário da inteligência americana afirmou nesta segunda-feira que o grupo Hezbollah, apoiado pelo Irã, estaria treinando membros do Exército Mahdi, a milícia xiita liderada por Moktada al-Sadr. A informação é do jornal The New York Times desta terça-feira. O funcionário disse que entre mil e dois mil homens do Exército Mahdi e de outras milícias xiitas foram treinados pelo Hezbollah no Líbano. Um pequeno número de membros do Hezbollah também visitaram o Iraque para auxiliar no treinamento, segundo o funcionário. O Irã teria facilitado a ligação entre o Hezbollah e outras milícias xiitas no Iraque, de acordo com afirmações do funcionário ao New York Times. Membros do governo sírio também teriam cooperado, apesar de haver o debate se tal ação teria o aval do altos líderes sírios. O funcionário falou em condição de anonimato sob regras de sua agência, e discutiu o papel do Irã em resposta às questões do repórter. A entrevista ocorreu em um momento de debate intenso sobre se os EUA devem aceitar a ajuda iraniana nos esforços de estabilização do Iraque. O Grupo de Estudos do Iraque, dirigido por James Baker III, ex-secretário da Defesa republicano, e Lee H. Hamilton, ex-legislador democrata, deve manter conversas diretas com Teerã. A alegação de que o Hezbollah treina milícias xiitas poderia reforçar a posição dos funcionários da Casa Branca que se opõe a um maior envolvimento diplomático com o Irã.

Agencia Estado,

28 Novembro 2006 | 07h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.