Hezbollah alega ter destruído veículo israelense no Líbano

O grupo militante islâmico Hezbollah destruiu um veículo israelense que entrou irregularmente no Líbano, informa a emissora de televisão Al-Manar, operada pela organização. De acordo com a Al-Manar, membros da Resistência Islâmica, braço armado do Hezbollah, destruíram um veículo militar israelense que atravessou a fronteira perto de Marouahine, uma cidade situada no extremo sul do Líbano."Os guerreiros sagrados da Resistência Islâmica destruíram um veículo hostil que violou a linha de fronteira na cidade de Marouahine, no sul do Líbano", noticiou a Al-Manar.Em Jerusalém, o Exército de Israel preferiu não comentar a notícia. Entretanto, fontes ligadas às forças armadas do Estado judeu admitiram que uma bomba foi posicionada no acostamento de uma estrada fronteiriça tendo como alvo o veículo. Sob condição de anonimato, os militares negaram que o veículo teria entrado no Líbano.Mais cedo, aviões israelenses sobrevoaram o leste e o sul do Líbano, desencadeando disparos das baterias de artilharia antiaérea do Exército do Líbano e dos guerrilheiros do Hezbollah, informaram fontes libanesas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.