Hezbollah confirma morte de um de seus líderes

O Hezbollah confirmou nesta quarta-feira que um de seus líderes foi assassinado perto de Beirute. O grupo acusou Israel, arqui-inimigo do movimento xiita libanês, de estar por trás do assassinato.

AE, Agência Estado

04 de dezembro de 2013 | 05h08

"A resistência islâmica anuncia a morte de um de seus líderes, o mártir Hassan al-Hawlo Lakiss. Ele foi assassinado perto de sua casa na região de Hadath, a leste de Beirute", informou o Hezbollah por meio do canal de televisão Al Manar. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
líbanohezbollahmorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.