Hezbollah diz que os árabes não devem ceder aos EUA

O secretário geral do grupo xiíta Hezbollah, com base no Líbano, Hasan Nasrala, pediu aos países árabes para que não cedam aos apelos de Washington de participar de uma coalizão internacional antiterrorismo." Não é preciso ter medo do discurso americano. Nenhum árabe ou muçulmano tem o direito de ajudar no ataque contra o povo do Afeganistão ou contra qualquer outro povo. Isso será uma agressão cega contra os muçulmanos", disse Nasrala. Ele ainda afirmou que essa comoção mundial seria bem diferente se o atentado tivesse acontecido contra os árabes ou muçulmanos.Nasrala não esqueceu de mencionar que a guerra santa para libertar as terras árabes e os lugares sagrados vai continuar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.