Hillary Clinton condena demolição de hotel

JERUSALÉM

, O Estado de S.Paulo

10 de janeiro de 2011 | 00h00

O governo de Israel demoliu ontem parcialmente o hotel Shepherd, em Jerusalém Oriental, para construir 20 casas de colonos judeus. A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, condenou a ação e afirmou que isso poderia prejudicar o processo de paz com os palestinos. O hotel, erguido há 80 anos, foi a casa do grande mufti de Jerusalém, Amin al-Husseini, aliado de Adolf Hitler na 2ª Guerra.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.