Brendan Smialowski/AFP
Brendan Smialowski/AFP

Hillary Clinton faz visita histórica ao Laos

País pode ser novo ponto de influência americana na Ásia

AE, Agência Estado

11 de julho de 2012 | 11h28

VIENTIANE, LAOS - Hillary Clinton se tornou a primeira secretária de Estado americana a visitar Laos em mais de cinco décadas, enquanto os EUA avaliam se o país, alvo de bombas americanas durante a Guerra do Vietnã, pode vir a ser um novo ponto da influência americana na Ásia.

Nesta quarta-feira, Hillary se reuniu com o primeiro-ministro e com o ministro das Relações Exteriores do Vietnã, parte de uma turnê de uma semana pelo sudeste da Ásia. O objetivo das visitas é reforçar a posição dos EUA em alguns dos mercados que mais crescem no mundo e conter o domínio econômico, diplomático e militar em expansão da China na região.

Em seus encontros, Hillary discutiu as preocupações ambientais relacionadas à construção de uma represa no rio Mekong, oportunidades de investimento e esforços conjuntos para retirar dezenas de milhões de bombas que os EUA lançaram sobre o Laos durante a Guerra do Vietnã.

Programas de apoio nesses campos serão incluídos em uma iniciativa de vários milhões de dólares para o sudeste da Ásia, a ser anunciada mais tarde nesta semana.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.