Hillary pede ajuda na aplicação de sanções

A secretária americana de Estado, Hillary Clinton, disse ontem em Abu Dabi, nos Emirados Árabes, que as sanções prejudicaram os esforços do Irã para desenvolver armas atômicas e acusou o país de tentar fomentar um novo conflito no Oriente Médio para distrair a atenção de suas ambições nucleares. Na primeira parada em sua visita por três nações do Golfo Pérsico, Hillary disse que o mundo árabe, em particular, deve agir para reforçar as sanções contra o Irã e rejeitar as tentativas de elevar as tensões no Oriente Médio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.