Hillary visita Baku e diz estar preocupada pela crescente tensão com a Armênia

A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton (foto), manifestou ontem sua preocupação pela crescente tensão na fronteira entre a Armênia e o Azerbaijão, que disputam a soberania sobre o enclave de Nagorno-Karabakh. Em uma breve visita a Baku, capital do Azerbaijão, Hillary pediu respeito aos direitos humanos e exortou as duas partes a acatarem o cessar-fogo firmado em 1994 por armênios e azerbaijanos, que se enfrentavam desde 1988.

O Estado de S.Paulo

07 de junho de 2012 | 04h22

A retomada da violência, que deixou vários mortos, coincide com o giro de Hillary pela região do Cáucaso. À tarde, a secretária de Estado seguiu para a Turquia, onde participaria de uma reunião para discutir a crise na Síria.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.