Hillary visita Egito para apoiar transição política

A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, visitou ontem a Praça Tahrir, no Cairo, epicentro da revolta que derrubou o presidente egípcio Hosni Mubarak. À noite, ela chegou à Tunísia sob forte esquema de segurança em razão de protestos antiamericanos. A visita, segundo o Departamento de Estado, é para apoiar a transição democrática nos dois países.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.