Hindus ganham votação na Índia

O oposicionista Partido Bharatiya Janata (PBJ), dos hindus nacionalistas, conquistou ontem 117 das 182 cadeiras da Assembléia Legislativa do Estado indiano de Gujarat, garantindo a reeleição de Narendra Modi como ministro-chefe. A vitória representou uma grande derrota para o governista Partido do Congresso, que conquistou 62 cadeiras - os independentes ficaram com 3. A eleição foi acompanhada de perto por todo o país, já que Gujarat é visto como um Estado laboratório para o hinduísmo radical da Índia contemporânea. Narendra Modi é acusado de permitir - ou pelo menos não impedir - que hindus massacrassem 1.000 muçulmanos em fevereiro de 2002, em represália por um misterioso incêndio que matou 59 hindus em um trem. Analistas dizem que a vitória do PBJ por ampla margem em Gujarat diminuiu a possibilidade de o Partido do Congresso convocar eleições nacionais antecipadas antes do fim de seu mandato, em 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.