Hollande: Ocidente discute 'respostas rápidas' à Rússia

Os líderes do Ocidente discutiram uma "resposta rápida" à ingerência do governo da Rússia na escalada das tensões no Leste da Ucrânia, disse nesta sexta-feira o presidente da França, François Hollande.

AE, Agência Estado

25 de abril de 2014 | 12h40

Segundo o gabinete de Hollande, o presidente francês participou na manhã de hoje de uma teleconferência com seu homólogo norte-americano, Barack Obama, e outros líderes ocidentais para discutir a possibilidade de uma nova rodada de sanções contra a Rússia.

Os potências ocidentais acusam o governo do presidente Vladimir Putin de quebrar as promessas de contribuir para a "diminuição da escalada" da violência no Leste da Ucrânia, onde manifestantes pró-russos dominaram prédios públicos em mais de 10 cidades e entraram em confronto com forças de segurança ucranianas.

Durante a teleconferência, o Hollande "exigiu uma resposta rápida do G-7 e discutiu a adoção de novas sanções da comunidade internacional contra a Rússia", informou o comunicado do gabinete presidencial. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
FrançaRússiasanções

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.