'Homem-Aranha' francês escala prédio mais alto do mundo em Dubai

DUBAI (Reuters Life!) - O escalador urbano conhecido como "Homem-Aranha" francês escalou na segunda-feira o edifício mais alto do mundo, o Burj Khalifa, em Dubai, de 828 metros, lutando contra os ventos que atrasaram sua subida.

REUTERS

28 de março de 2011 | 20h30

Alain Robert, de 48 anos, levou seis horas para escalar o prédio de mais de 160 andares, utilizando uma corda e uma armadura, como exigido pelos organizadores.

Mas ele disse que os procedimentos de segurança e a atenção da multidão que se formou para vê-lo o deixaram mais nervoso.

"Na verdade há uma grande pressão sobre mim porque eu sei que eles haviam instalado tudo ali; que era para mim. Há uma tela gigante, 50 metros de altura, 30 de comprimento. Sei que todo mundo vai olhar para mim e isso é um pouco -- muito -- estressante", disse Robert antes da subida.

Robert, que já escalou o Edifício Itália, em São Paulo, foi preso várias vezes em diversos países, já que as autoridades raramente concedem permissão para suas escaladas perigosas.

Ele subiu em um prédio pela primeira vez aos 12 anos, quando ficou para o lado de fora de seu apartamento e decidiu subir oito andares até uma janela aberta.

Tudo o que sabemos sobre:
GERALHOMEMARANHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.