Homem armado mantém 30 crianças reféns em creche na Malásia

Um psiquiatra foi chamado para conversar com o sequestrador

Efe,

07 de julho de 2011 | 04h21

BANGCOC - Um homem armado com uma faca mantém 30 crianças e vários professores reféns em uma escola na localidade de Abong, no estado malaio de Johore, informou a imprensa local.

A Polícia, que negocia com o sequestrador, indicou que ele ameaçou matar as crianças.

Além de efetivos da brigada especial da polícia da Malásia, um psiquiatra que está no local conversou com o sequestrador, que exigiu alimentos e uma arma de fogo.

Muitos familiares das crianças estão próximos ao edifício de dois andares no qual se encontra a creche.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.