Homem-bomba invade agência de notícias na China

Um homem entrou na agência de notícias Reuters, em Beijing, na manhã desta quarta-feira, fez um grupo de jornalista reféns e ameaça explodir uma bomba que estaria em seu poder. O edifício onde fica a Reuters foi evacuado e cercado pela polícia. Segundo testemunhas, o homem entrou no prédio durante uma conferência e exigiu que a agência informe sobre a corrupção na China. Vestindo uma jaqueta preta e óculos escuros, o homem carrega uma bolsa de onde sai vários fios que estão conectados ao seu corpo. A Reuters está situada em um bairro ao oeste de Beijing. Cerca de 40 jornalistas trabalham no local. Na hora do incidente, alguns funcionários conseguiram fugir. Até à 1h30 desta quarta-feira (horário de Brasília), o homem ainda mantinha alguns jornalistas como reféns.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.