Homem de 71 anos mata dois monges e se suicida

Um homem de 71 anos, cuja identidade não foi divulgada pela polícia, abriu fogo ontem em um mosteiro e seminário beneditino no noroeste do Estado do Missouri, matando dois monges e ferindo gravemente outros dois. Ele aparentemente se suicidou em seguida, informou a polícia, que encontrou o corpo ao lado de um fuzil AK-47 e uma escopeta calibre 22, numa capela adjacente.As autoridades ainda não sabem os motivos do crime, mas disseram que o atacante residia em Kearney, cidade situada 113 quilômetros ao sul, no mesmo Estado.A Abadia de Conception inclui um seminário, área residencial, uma basílica e uma impressora de material religioso. De acordo com o abade Gregory Polan, o homem começou a atirar indiscriminamente de manhã na área administrativa do mosteiro. Ao ouvir os tiros, os monges se trancaram em seus aposentos e alguns se esconderam no guarda-roupa. Polan disse não reconhecer o assassino. Nenhum estudante estava no local porque o ano letivo se encerrou em maio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.