Homem de Taiwan contrai gripe aviária H7N9, primeiro fora da China continental

Um empresário de 53 anos de idade de Taiwan contraiu a cepa H7N9 de gripe aviária enquanto viajava pela China, disse o Departamento de Saúde de Taiwan nesta quarta-feira, o primeiro caso relatado fora da China continental.

Reuters

24 de abril de 2013 | 08h51

O homem foi hospitalizado após ficar doente três dias depois de voltar de Suzhou em 9 de abril, disse o ministro da Saúde de Taiwan, Wen-Ta Chiu, em entrevista coletiva. Chiu disse que o paciente foi diagnosticado com o vírus H7N9 e apresentava estado grave.

Segundo o ministro, Taiwan vai tomar as medidas adequadas, incluindo a abertura de uma clínica ambulatorial especializada em casos de H7N9.

Taiwan e China têm crescentes laços econômicos e de negócios, e muitos empresários viajam frequentemente entre os países.

Até terça-feira, 108 pessoas haviam contraído a doença no continente desde que as primeiras mortes foram registradas no mês passado.

(Por Clare Jim)

Tudo o que sabemos sobre:
CHINAGRIPEAVIARIATAIWAN*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.